26/01/2016

Pontos turísticos de Campestre da Serra - RS

Campestre da Serra é um município da Serra Gaúcha, com poucos anos de existência, localizado às margens da BR-116, entre os municípios de Vacaria e São Marcos, no Rio Grande do Sul. O nome Campestre da Serra significa: pequeno campo cercado de matas.

Ponte do Korff
Ponte do Korff

Um pouco da história do município de Campestre da Serra

O município de Campestre da Serra nasceu no 3° Distrito de Vacaria, que tinha como sede São Manuel, (inicialmente conhecida como "Vila Korff", hoje distrito de Campestre). Com a construção da BR-116, Campestre cresceu mais que São Manoel e com isso tornou-se a sede, vindo em 23 de março de 1991 a se emancipar de Vacaria.

Campestre da Serra – RS
Campestre da Serra – RS
A sede do município se encontra a uma altitude de 770 metros e sua população estimada em 2010 era de 3 247 habitantes. Suas atrações turísticas são a Ponte do Korff e suas paisagens naturais, principalmente as cachoeiras.

Cachoeira da Usina fotografada por Drone
Cachoeira da Usina fotografada por Drone


Ponte do Korff

Ponte de arquitetura centenária inaugurada em 15 de fevereiro de 1907, com seus 2 pilares e bases em pedra encaixada, estrutura de aço, piso todo de madeira, e toda construída com rebites (sem parafusos).

Ponte do Korff, vista do rio das Antas
Ponte do Korff, vista do rio das Antas
A ponte tem 108 m de comprimento e 19,6 m de altura. Sua estrutura foi trazida da Alemanha até o porto de Rio Grande, e de lá desceu até o passo dos Korff em cargueiros. Foi a primeira ponte construída sobre o rio das Antas, e na época fazia a ligação entre Caxias do Sul a Vacaria, antes da construção da BR-116.

Vista do mirante para o rio das Antas, lado de Criuva
Vista do mirante para o rio das Antas, lado de Criuva
A ponte do Korff localiza-se no distrito de São Manoel, a 20 Km da Sede, na estrada que era caminho dos Tropeiros, fazendo a ligação com o distrito de Criúva e Caxias do Sul. A cerca de 1 km no lado de Criúva há um mirante na beira da estrada que proporciona uma vista fantástica do vale do Rio das Antas, do rio e da ponte.

Assista aos vídeos da Ponte do Korff



Cachoeira e Cânion da Usina 

A cachoeira da Usina é uma bela queda do Rio Guacho, pouco conhecida na região, situada entre os distritos de São Manoel e Serra do Meio, a 10 km da cidade.

Cachoeira da Usina, São Manoel, Campestre da Serra
Cachoeira da Usina, vista de baixo
Com mais de 30 metros de altura, é a última cachoeira de uma sequência de quedas do Rio Guacho. Na parte inferior se forma uma grande piscina natural, e na sequência se formam corredeiras que descem por um cânion profundo que mais adiante deságua no Rio das Antas.

Cachoeira da Usina, vista de cima
Cachoeira da Usina, vista de cima
O melhor acesso se dá pela Serra do Meio, por estradas secundárias dos produtores de uva. Este caminho leva bem próximo à cachoeira, onde dá para estacionar o carro e descer pela trilha pela mata fechada, de cerca de 15 minutos de caminhada, onde pode-se acessar tanto o topo como a base da cachoeira.

Assista ao vídeo da Cachoeira da Usina




Cânion do Rio Guacho

Este cânion é pouco conhecido inclusive pela população local, tem 900 metros de extensão e penhascos de aproximadamente 100 metros de extensão. O início dele se dá um pouco acima da Cachoeira da Usina, onde há uma outra cachoeira escondida, depois segue o curso sinuosos do rio até sair em uma área mais aberta.
O acesso é pelo mesmo caminho da Cachoeira da Usina.

Cânion do Rio Guacho - Campestre da Serra - RS
Cânion do Rio Guacho

Fervedor do Rio das Antas

O Fervedor é um estreito do Rio das Antas onde toda a água do Rio das Antas passa por um canal de pouco mais de 1 metro de largura. Com a pressão da água entre as rochas do canal profundo se forma uma forte correnteza e bolhas de ar, onde se dá a impressão que a água está fervendo.

Fervedor do Rio das Antas, São Manoel, Campestre da Serra
Fervedor do Rio das Antas, São Manoel, Campestre da Serra
A profundidade do canal é desconhecida, mas para passar a água toda do rio deve ser bem profundo. Quem for conhecer o local deve ter muito cuidado, pois a queda no local tem grandes chances de ser fatal.
Poucos metros acima, outro atrativo é o encontro das águas de três rios: Rio das Antas, Refugiado e Quebra Dentes. Estes rios fazem a divisa natural entre 4 municípios: Campestre da Serra, Caxias do Sul, Vacaria e Monte Alegre dos Campos.

Mapa dos pontos turísticos de Campestre da Serra
Mapa dos pontos turísticos de Campestre da Serra
Para chegar ao local deve-se seguir até o distrito de São Manoel, depois seguir pela estrada que passa do lado da igreja por mais 5 km de carro. Daí em diante há uma trilha de mais de 2 km descendo até o rio. Aconselha-se a presença de alguém que conheça o local ou então informações detalhadas (eu mesmo já perdi a trilha e tive que subir pela mata fechada, num trecho muito difícil).

Ponte do Rio das Antas - BR-116


Ponte do Rio das Antas - BR-116
Ponte do Rio das Antas - BR-116
Quem passa pela Ponte do Rio das Antas na BR-116, entre Campestre da Serra e São Marcos não dá muita atenção, mas o local oferece um visual incrível e vale muita a parada.

Trilha da Ponte do Rio das Antas
Trilha da Ponte do Rio das Antas
No lado direito, para quem vem de Campestre, há uma trilha localizada ao lado da ponte que passa por baixo dela e dá acesso ao rio, na parte inferior. Lá embaixo dá para circular em ambos os lados da ponte, por cima das Lages de pedra que margeiam o rio.

Assista ao vídeo da Ponte do Rio das Antas



Hotéis e pousadas na Serra Gaúcha

Mapas do Rio Grande do Sul


Viagens e Caminhos - destinos próximos

Vacaria

Caxias do Sul

Farroupilha

Termas do Prata



6 comentários:

Diogo Rhoden Silveira disse...

Pessoal, para conhcer a Cachoeira da Usina em Campestre da Serra, qual é a melhor trilha? Tem alguma estrada ou é área particular?

No aguardo.. Abraçãoo!!!

Jair Prandi disse...

Olá, Diogo!

Atualizei o post sobre Campestre da Serra. Adicionei uma mapa interativo com a localização das trilhas.

O acesso a Cachoeira da Usina se faz por Campestre ou São Manoel. A parte final da estrada é acesso dos produtores rurais e leva até a borda do cânion, Ao chegar ao lado do mato, deixe o carro e siga pela trilha em meio à mata, na direita. A caminhada é curta e você pode se basear pelo som da cachoeira.

Um abraço!

Wendell disse...

Prezada equipe do site. meu nome é Wendell e pretendo fazer um processo seletivo nesta cidade de Campestre da Serra para farmacêutico temporário. Gostaria de saber como é o custo de vida no município, principalmente aluguel de quarto ou kitnet já mobiliados e alimentação em restaurante. No aguardo de resposta, agradeço.

Jair Prandi disse...

Prezado, Wendell!
Apenas divulgamos destinos turísticos, essas informações deve buscar no site da prefeitura do município.

Jaque Pagote disse...

Olá... tem alguma placa indicando o caminho para a cachoeira da Usina ou precisa ir perguntando:???

Grata desde já.

Jair Prandi disse...

Olá! Jaque!

Infelizmente não há placas, siga o mapa orientativo do post e pergunte aos moradores se achar necessário.