Conheça 8 opções de trilhas em Ilhabela. Algumas das praias mais belas e preservadas não possuem estradas de acesso, mas contam com acesso por trilhas incríveis em meio à natureza.

A maioria depende de conhecimento do local. Aconselha-se o acompanhamento de um guia experiente para percorrer certos trechos. O Parque Estadual de Ilhabela é uma Unidade de Conservação de Proteção Integral, localizado no Litoral Norte do Estado de São Paulo. Além das praias do Arquipélago de Ilhabela, o parque oferece diversos atrativos, como cachoeiras e mirantes.

A lista a seguir apresenta a duração e a quilometragem das trilhas considerando o percurso de ida e volta, e nível de dificuldade.

Trilha do Pico do Baepi

8 horas de caminhada – 7,4 km ida e volta
Nível de dificuldade alto

Esta é a única trilha do Parque Estadual de Ilhabela onde há exigência do acompanhamento de um guia com experiência.
Trilha do Pico do BaepiDe grande dificuldade, esta trilha atinge 1.048 metros de altitude do do Pico de Baepi. Do local se pode avistar a panorâmica da cadeia de montanhas da ilha, o canal de São Sebastião e boa parte da Serra do Mar.

Trilha da Água Branca

2:30 horas de caminhada – 4 km ida e volta
Nível de Dificuldade Baixo

Trilha cachoeira Água Branca - Ilhabela
Foto: Maristela Colucci – MTUR

Localizada no início da estrada de Castelhanos esta trilha é de fácil acesso, bem demarcada e inicia junto a guarita dos limites do Parque Estadual de Ilhabela. Três caminhos conduzem a várias cachoeiras de águas cristalinas, com piscinas e duchas e área de piquenique.

Trilha da Cachoeira Pancada d’Água (Três Tombos)

1 hora de caminhada – 720 m ida e volta
Nível de Dificuldade Baixo

Trilha curta e de fácil acesso, localizada próximo à Praia da Feiticeira, no sul da ilha. É chamada também de Três Tombos, por ter três quedas d’água juntas.

Trilha da Cachoeira do Veloso

1 hora de caminhada – 2,2 km ida e volta
Nível de Dificuldade Médio

Localizada próximo à praia de mesmo nome, a trilha leva até a cachoeira do Veloso, a mais alta das cachoeiras da frente da ilha, com mais de 30 metros. É um local pouco visitado e, portanto, uma boa opção durante alta temporada para quem busca tranquilidade.

Trilha do Bonete

10 horas de caminhada – 24 km ida e volta
Nível de Dificuldade Alto

Praia Bonete - Ilhabela
Foto: Maristela Colucci – MTUR

Esta trilha margeia o lado sul da Ilha e atravessa umas das áreas mais preservadas e ricas em biodiversidade. A trilha do Bonete passa por três belas cachoeiras: Da Laje com piscinas naturais para banho, Areado e Saquinho.
No final, a trilha oferece uma bela vista da praia do Bonete, onde vive uma comunidade tradicional caiçara. É possível fazer a visita apenas à primeira cachoeira (Laje) com percurso de 4,6 km ida e volta.

Trilha da Cachoeira do Gato

1:30 horas de caminhada – 4 km ida e volta
Nível de Dificuldade Médio

A trilha inicia-se na Ponta do Gato na Praia dos Castelhanos e seu percurso passa pelo interior da Mata Atlântica. Cruza o Ribeirão do Gato por uma ponte pênsil até chegar a cachoeira do Gato, a mais alta cachoeira do Parque com 40 m de altura.

Trilha de Castelhanos

Praia de Castelhanos
Vista da Praia dos Castelhanos

12 horas de caminhada – 34 km ida e volta
Nível de Dificuldade Alto

Possui 22 km, que constituem a estrada que corta o Parque Estadual de Ilhabela. Pode ser percorrida a pé, de bicicleta e também de automóvel, dependendo da condição da estrada. Cortando regatos, morros e toda a mata, em cerca de 6 horas de caminhada chega-se a praia de castelhanos.

Esta trilha na verdade é a estrada que cruza o parque de Oeste a Leste. Tem 17 km de extensão e o trajeto pode ser percorrido a pé, de bicicleta ou veículo. O acesso é controlado com quantidade máxima diária de veículos e horários de ida e volta.
A praia é habitada por comunidades tradicionais caiçaras, onde visitantes podem ter contato com a cultura do local.

Trilha da Cachoeira da Friagem

2 horas de caminhada – 2,4 km ida e volta
Nível de Dificuldade Médio
Trilha situada no norte da ilha que em meio a Mata Atlântica dá acesso a Cachoeira da Friagem, com 25 metros de queda d’água. O início da trilha é a partir de condomínio na Praia da Siriúba. Da trilha se tem uma bela vista do Canal de São Sebastião.

Informações gerais sobre o parque estadual de Ilhabela

Contatos do Parque – (12) 3896-2585 / 3896-1646/ 3896-2660
Email – [email protected]
Endereço Centro de Visitantes – Praça Coronel Julião de Moura Negrão, 115, Centro de Ilhabela – CEP 11630-000

Dias e Horários para visitação
Centro de Visitantes: de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h.
Finais de semana, feriados e alta temporada consultar o horário de funcionamento com a administração do Parque.
Trilhas: Todos os dias das 8h às 17h, exceto trilha do Baepi (7h às 14h, com agendamento)
Estrada Parque dos Castelhanos: O acesso da Estrada Parque sentindo Perequê – Castelhanos é permitido apenas das 7h às 14h, com retorno obrigatório no sentido Castelhanos – Perequê das 15h às 18h (horário de verão se estende até às 19h).

No artigo principal sobre Ilhabela, destacamos fotos, mapas e informações detalhadas de cada praia e atrações turísticas e naturais da ilha.
Mapas de Ilhabela
Hotéis e pousadas em Ilhabela


Reserve aqui no Viagens e Caminhos! Temos as melhores opções para organizar sua viagem! Nossos parceiros são os melhores do mercado!

HOSPEDAGEM - Somos parceiros do Booking.com, maior site de reservas de hospedagem do mundo e o que tem os melhores preços! São milhares de hotéis, pousadas, resort e hostel em todo o mundo! Reserve antecipado e cancele quando quiser. Escolha e faça sua reserva!
SEGURO VIAGEM - Vai para o exterior! Faça Seguro Viagem! É obrigatório na Europa e muito recomendado para qualquer viagem ao exterior. Uma simples internação nos Estados Unidos tem um custo diário de 2.000 Dólares e um seguro viagem é bem barato! Faça uma cotação!
ALUGUEL DE CARRO – Somos parceiros da RentalCars, maior comparador de aluguéis de carro do mundo, e que garante também o melhor preço! Reserve em nosso site e pague em Reais, sem IOF, e com total segurança. Faça sua cotação online!
Jair Prandi
Editor, fotógrafo, videomaker, e influenciador digital do Viagens e Caminhos. Apaixonado por viagens com toques de aventura, criou esse blog de viagens para compartilhar suas experiências.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here