Relato de viagem a Região dos Lagos, continuação de nossa viagem ao Rio de Janeiro, Cabo Frio e Arraial do Cabo.

Se ainda não leu, confira a artigo da primeira parte da viagem.

4º dia – Do Rio de Janeiro a Cabo Frio

Ainda em casa havia feito a reserva de um carro para 3 dias. Pegamos um táxi as 7:00 h da manhã, até a loja Localiza do aeroporto Santos Dumont. Com o GPS programado, seguimos para Cabo Frio, a 170 km do Rio, onde tinha uma reserva de duas noites na Pousada Cantinho da Nilza (boa pousada no estilo kitinete).

Praias de Cabo Frio
Cabo Frio, Praia do Forte

Em Cabo Frio, fomos conhecer a Praia do Forte (melhor praia da cidade), bem estruturada, com calçadão, vários bares e restaurantes. A melhor parte da praia se encontra bem na ponta, próxima ao Forte, onde a água é bem transparente, o mar é calmo, e as paisagens são lindas, com um belo costão de pedras e enseadas.

Cabo Frio - RJ
Cabo Frio, Pontal da Praia do Forte

À tardinha fomos conhecer Búzios e confesso que fiquei decepcionado. Chegando ao centrinho, próximo à Rua das Pedras, por volta das 18:00 horas, não havia lugar algum para estacionar. Parei em um estacionamento e queriam R$ 20,00, mesmo eu dizendo que era só por uma meia hora.

Sai de lá e fui até a Praia de João Fernandes, onde me deparei com ruas estreitas, sem qualquer possibilidade de estacionar o carro. De que adianta as belas praias se a estrutura é péssima, talvez seja bom para quem tem casa no local.

Arraial do Cabo, mirante da trilha da Praia do Forno
Arraial do Cabo, mirante da trilha da Praia do Forno

Mais Rio de Janeiro no Viagens e Caminhos

Praias de Arraial do Cabo
Pontos turísticos de Paraty e Trindade

5º dia – Arraial do Cabo e Cabo Frio

No domingo pela manhã fomos conhecer as belas praias de Arraial do Cabo. Na chegada da cidade já tivemos a bela vista da Prainha, passamos direto e fomos até o canto da Praia dos Anjos, onde estacionamos o carro.
O objetivo era conhecer a Praia do Forno, que só é acessível de barco ou através da trilha que atravessa o morro.

A trilha é tranquila, cerca de 15 minutos de caminhada. No topo do morro se tem vistas fantásticas da praia através de um mirante natural. Descemos até a praia, tiramos fotos da praia que é linda, com águas transparentes, mas resolvemos deixar para entrar na água na próxima praia. Quando voltamos pela trilha já tinha bastante gente indo passar o dia na praia.

Arraial do Cabo, Estrada do Pontal do Atalaia
Arraial do Cabo, Estrada do Pontal do Atalaia

Seguimos depois para o Pontal do Atalaia, costão rochoso com praias lindíssimas. A estrada acompanha o costão, onde no início se tem belas vistas da cidade, em sua maior parte é calçada com paralelepípedos, mas o final é de estrada de terra em péssimas condições.

Para meu espanto, quando paramos para estacionar, junto à escadaria de acesso à praia, uma agente de trânsito veio cobrar R$ 10,00 de estacionamento. Achei um absurdo e fui até grosso com ela de ter que pagar para estacionar à beira de uma estrada que mais parecia uma trilha 4×4.

Arraial do Cabo - Praia do Pontal do Atalaia
Praia do Pontal do Atalaia

Descemos a longa escadaria que leva até a bela prainha de águas transparentes do Pontal do Atalaia. Apesar do dia nublado e a água gelada, tomamos um belo banho de mar e ficamos por lá até o meio dia. Voltamos para Cabo Frio, almoçamos, descansamos um pouco, depois tiramos o resto da tarde para curtir a praia do Forte.

6º dia – Cabo Frio e volta ao Rio de Janeiro

Na segunda voltamos ao Rio e seguimos direto entregar o carro na Localiza do aeroporto. Como o centro todo da cidade está em obras, para a implantação do VLT, tive que abandonar as instruções do GPS e seguir pelas indicações das placas. No final, tudo deu certo, devolvi o carro e peguei um táxi até o Catete, no mesmo hotel de antes.

Jardim do Palácio do Catete - Rio de Janeiro
Jardim do Palácio do Catete, Rio de Janeiro

De novo o Corcovado estava encoberto, então pegamos o metrô até a estação Uruguaiana e fomos até o Saara (região de comércio popular da cidade), praticamente um bairro inteiro onde se vende quase tudo. Compramos algumas coisas, depois voltamos ao Catete, onde ficamos o resto da tarde.

7º dia – Rio e a volta pra casa

Última manhã na cidade! Fomos até o Aterro, olhamos em volta e de novo o Cristo estava encoberto, era a última chance, nosso primo iria voltar pra casa sem sequer enxergar o Cristo, sendo assim ficamos curtindo o vai e vem das pessoas que praticam esporte no enorme Aterro do Flamengo.

Palácio do Catete - Museu da República
Interior do Palácio do Catete, Rio de Janeiro

Depois voltamos até o jardim do Catete, onde esperamos até as 10:00 h, a abertura do Museu da República (Palácio do Catete), onde Getúlio Vargas morou e também se suicidou na década de 40. O interior do palácio é fantástico, a riqueza dos detalhes dos ornamentos, pinturas, móveis e decorações, são incríveis.

Decolando do aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro
Decolando do aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro

Após o almoço, seguimos de táxi ao aeroporto Santos Dumont, onde embarcamos as 14:10 em um voo com conexão em São Paulo, com chegada a Caxias do Sul as 17:30 h. Depois de pegar nosso carro, ainda encaramos mais 120 km pela serra até Vacaria, onde chegamos por volta das 20:00 h.

Veja também:
Hotéis e pousadas em Cabo Frio
Hotéis e pousadas em Arraial do Cabo
Hotéis e pousadas em Buzios

COMPARTILHAR
Jair Prandi
Editor, fotógrafo, videomaker, e influenciador digital do Viagens e Caminhos. Apaixonado por viagens com toques de aventura, criou esse blog de viagens para compartilhar suas experiências.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here