Saiba tudo sobre a visita guiada ao Congresso Nacional, onde são decididas as leis brasileiras e o destino do nosso país.

A grandiosa obra de Oscar Niemeyer, que é o ícone máximo de nossa capital, possui dois edifícios gêmeos e um palácio à sua frente com duas cúpulas em cima. No lado direito fica a cúpula côncava (virada para baixo), onde está o plenário do Senado Federal. No lado esquerdo fica a cúpula convexa, (virada para cima), onde está a Câmara dos Deputados.

Confesso que antes de nossa visita, imaginava que essas cúpulas eram apenas monumentos, não imaginava quer os plenários da câmara e do senado se encontram dentro delas.

Congresso Nacional - BrasíliaDurante nossa viagem ao estado de Goiás, depois de nossa visita à Caldas Novas, Rio Quente e Pirenópolis, reservamos um dia livre para conhecer as principais atrações de nossa capital Federal.

Apesar do cenário político vergonhoso de corrupção absurda que se descobre a cada dia de nossos governantes, a visita vale a pena, pela história e também pela curiosidade de conhecer aquele cenário que a gente vê todo dia na TV.

Salão Negro, na entrada Congresso Nacional
Salão Negro, na entrada Congresso Nacional

Visita guiada ao Congresso Nacional

O palácio que abriga a Câmara dos Deputados e o Senado Federal possui um programa de visitas guiadas, onde se pode conhecer um pouco da história da construção, do funcionamento, e várias partes importantes do prédio.

É permitido fotografar e filmar em todo o percurso, exceto nos Plenários quando está acontecendo uma sessão, como foi nosso caso.

Jardim no Salão Verde - Congresso Nacional
Jardim no Salão Verde

Como é a visita ao Congresso Nacional

Em nosso caso, tivemos que agendar com antecedência, pois o dia que sobrou de nossa viagem foi numa quinta. Nos apresentamos no horário marcado, passamos pelo detector de metais e raio X, depois fomos recebido por nossa guia.

Museu do Congresso Nacional
Exposição de presentes dos presidentes

Primeiro seguimos para uma área vip do Salão Negro, em seguida subimos as escadas e entramos no Salão Verde, espaço que dá acesso aos plenários, área repleta de jornalistas, onde a imprensa aguarda os políticos para entrevistas.
O destaque do Salão Verde são as inúmeras obras de arte, o jardim e a exposição de presentes recebidos por presidentes dado por líderes de outros países.

Corredor do Congresso Nacional
Corredor do Congresso Nacional que liga os anexos

Na sequência visitamos o plenário da Câmara dos Deputados, pena que não foi permitido fotografar, já que estava acontecendo uma sessão. Após assistir um pouco da sessão voltamos e atravessamos o Túnel do Tempo até chegar na Praça das Bandeiras, uma praça interna onde ficam as bandeiras de todos os estados brasileiros.

Salão Azul do Congresso Nacional
Praça das Bandeiras, no Salão Azul do Congresso Nacional

Em seguida visitamos o plenário do senado federal, onde também estava acontecendo uma sessão e não foi possível fotografar, somente assistir por alguns minutos.

Plenário da Câmara dos Deputados
Plenário da Câmara dos Deputados – Imagem: Wikimédia

Dias e horários de visitação

O programa de visitas funciona às segundas, quintas, sextas, finais de semana e feriados.
Atenção: Às terças e quartas-feiras não há visitação
A visitação é gratuita e acontece das 8h30 às 17h30, com a saída do primeiro grupo às 9h, com saídas de grupos a cada 30 minutos.
O acesso é pelo acesso inferior à direita.

Em algumas situações é necessário agendamento prévio:
– Grupos com mais de 15 pessoas;
– Grupos que precisam de tour em inglês, espanhol, francês ou libras;
– Grupos com necessidades especiais, tais como pessoas com dificuldades de locomoção;
Às quintas, o agendamento é obrigatório para todos, independentemente da quantidade de pessoas, por ser um dia bastante movimentado no congresso;

Plenário do Senado Federal
Plenário do Senado Federal – Imagem: Wikimedia

Restrições

Em dias úteis, é proibida a entrada de pessoas vestindo bermudas, shorts, camisas sem mangas, minissaias e chinelos, exceto crianças de até 12 anos.

Agendamentos e contato

Para mais informações, acesse o site oficial da visita ao Congresso.

Mais sobre Brasília
Brasília – Quando ir, onde ficar, o que fazer
O que fazer em Brasília – 30 pontos turísticos da capital
Roteiro de 1 dia pela Capital Federal

COMPARTILHAR
Jair Prandi
Editor, fotógrafo, videomaker, e influenciador digital do Viagens e Caminhos. Apaixonado por viagens com toques de aventura, criou esse blog de viagens para compartilhar suas experiências.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here