Campos do Quiriri e Pedra da Tartaruga – Garuva

Campos do Quiriri é uma região de campos de altitude no Nordeste de Santa Catarina onde fica a Pedra da Tartaruga e outros picos. Saiba tudo sobre o destino!

311
Pedra da Tartaruga - Garuva SC
Pedra da Tartaruga - Garuva SC

O destino Campos do Quiriri é composto pelas mais belas paisagens de campos naturais montanhosos do Nordeste de Santa Catarina. Vários picos e atrações que fazem parte deste cenário são procurados pelos amantes do trekking e de acampamento selvagem.

A Pedra da Tartaruga é uma das mais belas formações rochosas que compõem a região montanhosa dos Campos do Quiriri, na divisa entre Santa Catarina e o Paraná.

Neste post iremos detalhar as principais informações de visitação, além de dicas em geral, especialmente sobre a trilha da Pedra da Tartaruga, uma das principais atrações nos Campos do Quiriri.

Pedra da Tartaruga - Garuva
Pedra da Tartaruga e os Campos do Quiriri

Pedra da Tartaruga e Campos do Quiriri

Dicas de quando ir, como chegar e o que fazer nos Campos do Quiriri

Navegue por este post:

Campos do Quiriri

Campos do Quiriri - Garuva SC
Vista aérea da Pedra da Tartaruga e Campos do Quiriri

Campos do Quiriri é uma região de altitude localizada no Nordeste de Santa Catarina, na divisa com o Sudeste do Paraná. Entre os campos e vales de altitude há cerca de 30 cumes, com altura entre 1.300 a 1.580 metros.

Lá no alto há inúmeras trilhas e mirantes onde é possível avistar o mar e as cidades da planície costeira, como Joinville, Garuva, Itapoá, São Francisco do Sul, além da Baía da Babitonga e as montanhas vizinhas.

O local faz parte de uma Área de Proteção Ambiental, que compreende partes dos municípios de Campo Alegre, Garuva e Joinville. O nome Quiriri na língua tupi guarani significa “Silêncio Noturno”.

Quando ir à Pedra da Tartaruga e Campos do Quiriri

Pedra da Tartaruga - Campos do Quiriri
Pedra da Tartaruga

É possível visitar os Campos do Quiriri e a Pedra da Tartaruga em qualquer época do ano, porém existem algumas diferenças em se visitar no inverno ou verão.

  • No inverno faz muito frio lá no alto das montanhas e os dias são mais curtos, o que deve ser considerado se for fazer um bate volta.
  • No verão faz mais calor e sempre tem um vento para amenizar e os dias são mais longos.
  • Por índices históricos, os meses menos chuvosos são no inverno, entre abril e agosto, mas nada garantido
  • O ideal é subir quando não choveu muito nos últimos dias. A estrada de acesso nos últimos 5 km, é de terra e bastante íngreme, só acessível com 4×4 e mesmo assim, com barro, será difícil.
  • O mesmo acontece com as trilhas que ficarão bem mais pesadas e escorregadias com o terreno molhado.
Altos do Quiriri
Vista aérea das montanhas e a planície catarinense lá em baixo

Independente da época, a região do Alto Quiriri possui seu próprio microclima, muito peculiar, semelhante ao dos cânions da Serra Geral, pelas bruscas diferenças de altitude.
Pode ter sol e céu azul e de repente, tudo ficar encoberto por um nevoeiro, chamado de “viração”. Isso pode comprometer a navegação visual e fazer o aventureiro se perder.

Voltar ao índice

Onde fica os Campos do Quiriri: Como chegar

Joinville
Estrada para os Campos do Quiriri – Campo Alegre SC

O principal acesso ao Alto do Quiriri é por Campo Alegre, pela estrada que leva aos distritos de Bateias de Baixo e Bateias de Cima. A distância da cidade até o último ponto acessível de 4×4 é de 60km.

Deste percurso, saindo da cidade de Campo Alegre haverá 16km de rodovia pavimentada até uma encruzilhada para frente de Bateias de Baixo. A partir dai são 42km de estrada de terra, sendo que os últimos 6km são bastante íngremes e pedregosos, acessíveis somente com veículos 4×4.

Estrada nos Campos do Quiriri
Final da estrada com acesso 4×4

O caminho é bem sinalizado, com placas indicativas, porém o ideal é baixar o mapa off-line ou o aplicativo do Wikiloc e colocar “Pedra do Quiriri” como destino.

O ponto mais alto onde chega de carro já desvenda uma vista maravilhosa, até onde ocorre o passeio 4×4, oferecido pela Travelum, (depois passaremos o contato).

A partir do mirante é possível seguir mais 1km de carro, junto a uma mangueira, onde começam as trilhas que levam a várias atrações no Alto dos Campos do Quiriri, como a Pedra da Tartaruga.

Altos do Quiriri - Garuva SC
Pedra da Tartaruga vista da montanha ao lado
  • A região dos Alto Quiriri é bem grande, abrange uma área de aproximadamente 10x25km e com isso há outros pontos de acesso.
  • O acesso pela BR-101, em Garuva, que leva ao Morro dos Perdidos, também só acessível de 4×4.
  • Por Tijucas do Sul, são 80 km de asfalto, 35 km de estrada e 6 km de trilha moderada de subida.
  • Uma forma de visitar facilmente é através de um passeio 4×4 a partir de Campo Alegre, operado pela Travelum (contato de Whatsapp abaixo).

Voltar ao índice

Autorização de entrada nos Campos do Quiriri

Pedra da Tartaruga - Campos do Quiriri - Garuva SC
Visual da Pedra da Tartaruga

Anteriormente o acesso aos Campos do Quiriri, que é composto de propriedades particulares estava liberado. Mas por conta de vandalismo em alguns locais, o acesso passou a ser controlado.

Atualmente é necessário pegar a autorização de entrada e pagar uma taxa no valor de R$20 (preço de agosto de 2021). A autorização pode ser adquirida com a Travelum Turismo, responsável pela gestão de acesso. Na estrada de acesso há uma porteira, onde haverá um guarda controlando ao acesso.

Basta entrar em contato pelo Whatsapp abaixo, passar os dados de quem vai se aventurar, fazer o pagamento e pegar a autorização. A Travelum é agência que opera também passeios 4×4 até a Pedra do Quiriri.

 Solicitar autorização!

Onde se hospedar próximo ao Quiriri

No alto dos Campos do Quiriri não há qualquer opção de hospedagem. Os mais aventureiros costumam acampar em algumas áreas, como ao lado da Pedra da Tartaruga, onde há local apropriado para camping selvagem, sem qualquer estrutura.

Aos pés da Serra do Quiriri há uma opção de camping com infraestrutura básica. O Camping da Cachoeira dos Solais.

Para quem quer conhecer o Quiriri e dormir com conforto, as opções para se hospedar são nas cidades de Campo Alegre (50 km) e São Bento do Sul (67 km).

Voltar ao índice

O que fazer nos Campos do Quiriri: principais atrações

Pedra do Quiriri

Campos do Quiriri
Mirante na Pedra do Quiriri

A Pedra do Quiriri é o primeiro cume para quem chega a partir de Campo Alegre. Do local, entre as pedras já se tem belas vistas panorâmicas de uma vasta área montanhosa.
Este é o ponto final dos passeios 4×4 com piquenique e pôr do sol oferecidos pela Travelum. Fica Á beira da estrada com acesso 4×4.

Pedra da Tartaruga – Garuva

Pedra da Tartaruga - Campos do Quiriri
Pedra da Tartaruga vista do morro ao lado

A Pedra da Tartaruga como o nome sugere tem o formato do animal, conforme o ângulo que é avistada a montanha rochosa. É uma das trilhas mais procuradas dos Campos do Quiriri.

Pedra da Tartaruga - Quiriri
Pedra da Tartaruga vista de trás

A Cabeça da tartaruga é o ponto preferido para fotos com o mar de nuvens ou vista do vale da região de Joinville lá em baixo. Porém o corpo da tartaruga é a parte mais alta do pico rochoso.

A partir do ponto onde fica o 4×4 são 6,5km de caminhada (13km ida e volta) em terreno ondulado. Na base da tartaruga há bons lugares para acampar, mas não há estrutura e nem ponto de água.

Trilha da Pedra da Tartaruga
Trilha da Pedra da Tartaruga

Pico do Bradador

O Pico do Bradador tem 1530m de altitude e é bastante conhecido por abrigar algumas antenas que fazem medições meteorológicas no topo. Fica no caminho da trilha da Pedra da Tartaruga para quem vai por Campo Alegre.

Monte Padre Raulino

Com 1480m, o Monte Padre Raulino fica entre a Pedra da Tartaruga e a nascente do Rio Quiriri.

Monte Crista – Garuva

Com acesso por Garuva, o Monte Crista tem 927m de altitude, bem mais baixo em comparação aos outros, porém a trilha sai praticamente do nível do mar (4h de caminhada).
Mais informações de acesso aqui!

Pedra do Picolé

A pedra do Picolé é uma formação rochosa curiosa que fica na região do Monte Crista a 3h de caminhada a partir do Crista.

Cachoeira do Quiriri

Cachoeira do Quiriri
Cachoeira do Quiriri – Crédito: Júlio Ettore Suriano / Fonte: Wikiloc

Com aproximadamente 100m de altura é a maior cachoeira do Alto Quiriri. O acesso é por baixo, pela estrada do Baixo Quiriri e a trilha de 7km (ida e volta) é difícil, sendo boa parte entre as pedras do leito do rio.
Mais informações de acesso aqui!

Marco da Divisa

Construído em 1919, o Marco da Divisa é um monumento de 4m de altura que demarca a divisa seca entre os estados de Santa Catarina e Paraná no alto do Quiriri.
Mais informações de acesso aqui!

Pico Araçatuba

Com 1673m de altitude, o Pico Araçatuba é a montanha mais alta da região sudeste do Paraná, quase divisa com o estado de Santa Catarina, no Alto do Quiriri. A trilha de ascensão tem 4km (8km ida e volta a partir do Parque Araçá, em Tijucas do Sul.
Mais informações de acesso aqui!

Voltar ao índice

Mapa dos Campos do Quiriri

No mapa abaixo é possível localizar as principais atrações e ter uma ideia de como é a região dos Campos do Quiriri.

Voltar ao índice

Leia também:


VIAJE GASTANDO POUCO! FAÇA AS SUAS RESERVAS AQUI! Estas são as empresas parceiras de confiança que utilizamos para montar nossas viagens!
   

PACOTES DE VIAGENS HURB. Pacotes de viagens baratos para os melhores destinos do Brasil e do Mundo. Pague em até 12x.

   

PASSAGENS AÉREAS - PASSAGENS PROMO. Passagens promocionais com o melhores preço do mercado. Pague em até 10x.

   

HOSPEDAGEM - BOOKING. Melhor site de hospedagem, com os melhores preços! Reserve com antecedência. Cancele, se precisar.

   

ALUGUEL DE CARRO - RENTCARS. Compare o preço de locadoras em todo o mundo pelos melhores preços! Reserve e pague em Reais, sem IOF.

   

SEGURO VIAGEM – SEGUROS PROMO. É obrigatório na Europa e recomendado nas viagens. É barato e previne gastos. Saiba mais!

   

PASSEIOS E EXCURSÕES – CIVITALIS - Programe seus passeios, atividades e compre ingressos para destinos de todo o mundo.

Editor, fotógrafo e videomaker do Viagens e Caminhos. Apaixonado por viagens com toques de aventura, criou esse blog para compartilhar suas experiências e ajudar os leitores a organizar suas viagens

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here