30/05/2012

Rio Pelotas em tempos de seca - Vacaria

O Rio Pelotas faz a divisa natural entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina, (Vacaria – RS e Capão Alto – SC). Após se juntar com o Rio Canoas, próximo a Barracão, forma o Rio Uruguai.


O Rio Uruguai continua a divisa entre os dois estados, mais adiante faz a divisa entre o Rio Grande do Sul e a Argentina e Uruguai e Argentina, até se juntar com o Rio Paraná para formar o grande Rio da Prata, que deságua entre Buenos Aires e Montevidéo.


De alguns anos para cá, o Pelotas teve seu curso natural interrompido para a instalação de hidrelétricas. Já foram construídas ltá e Machadinho (já no Rio Uruguai) e Barra Grande no rio Pelotas.


Depois do enchimento da barragem de Barra Grande, o Pelotas tornou-se um grande lago, com aproximadamente 100 km de extensão, que se extende da barragem da usina até um pouco para cima da ponte ferroviária, que está situada uns 10 km para cima da ponte rodoviária da BR 116.


Com a falta de chuvas deste verão o Pelotas voltou a mostrar seu leito natural, e com nível muito baixo. Em visita que fiz em maio de 2012, debaixo da ponte, era possível atravessar a pé, com a água pela canela.


Nas últimas semanas esta cena tem chamado a atenção de quem passa pela rodovia BR-116, em Vacaria, na divisa entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina.


A ausência de chuva, que dura 5 meses sem chuvas significativas, tem castigado o rio que vem mostrando as ruínas das antigas pontes do Pelotas e de seu afluente (Rio Socorro), que deságua a poucos metros dalí.


A antiga ponte do Pelotas foi inaugurada em 1960 e apenas 4 anos depois, em 1964, desabou após uma enchente. Pouco tempo depois o Exército instalou uma ponte de ferro que ficou ativa até que a nova ponte de concreto, com 250 metros, ficasse pronta no final de 1966.


Alguns anos depois foi construída uma ponte de concreto sobre o Rio Socorro, afluente do Pelotas, para possibilitar aos moradores do Passo do Socorro, atravessarem o rio até a Ponte do Pelotas.


Permaneceu assim, até 2004, quando a Usina Hidrelétrica Barra Grande, construída 100 km rio abaixo, exigiu uma ponte bem mais alta no Rio Socorro.

Viagens e Caminhos – mais destinos e aventuras em Vacaria e na região

O que fazer em Vacaria: Principais pontos turísticos
Expedição pelos trilhos até o Rio Pelotas
Neve em Vacaria - agosto 2013
Fazenda do Socorro – um marco na história de Vacaria
Pontos turísticos de Campestre da Serra
Cambará do Sul
São José dos Ausentes


Um comentário:

Anônimo disse...

No dia 15 de outubro de 2015, o exército revive a cena da montagem da ponte provisória, construída depois da queda da ponte permanente em 1965/66. Atividades alusivas ao feito que voltou a ligar os estados de SC e RS serão revividos nessa data. Abraços.