A trilha do Rio do Boi é uma das mais impressionantes trilhas do Brasil por ser realizada na fenda do Cânion Itaimbezinho, o mais vertical do país.

No final de ano, durante nosso descanso em Arroio do Sal, Litoral Gaúcho, resolvemos quebrar a monotonia para fazer uma das mais belas trilhas do Brasil.

Diferente das outras trilhas do Cânion Itaimbezinho que são realizadas pela parte alta, em Cambará do Sul, a Trilha do Rio do Boi é realizada pela parte de baixo, pelo leito do rio, a partir da cidade de Praia Grande, no litoral de Santa Catarina.
É uma trilha muito interessante em razão da paisagem peculiar entre as paredes gigantescas do cânion e a passagem por várias cachoeiras e corredeiras durante o percurso.

Trilha do Rio do Boi

Trilha do Rio do Boi – Informações

A trilha fica na fenda do Cânion Itaimbezinho, no Parque Nacional Aparados da Serra, tem cerca de 7 km de extensão (14 km ida e volta) e é realizada, metade dela em meio à mata e a outra metade pelo leito do Rio do Boi, entre as pedras, sendo necessário realizar mais de 20 travessias durante o percurso.

Trilha Rio do Boi - Parque dos Aparados da SerraNão é possível fazer esta trilha por conta própria, apenas com acompanhamento de um guia credenciado, com isso, é necessário entrar em contato com uma das várias agências de Praia Grande ou Cambará do Sul, ou ainda diretamente com uma guia para agendar.

Trilha do Rio do Boi - Praia Grande
Primeira travessia do Rio do Boi, no início da trilha

Fizemos a trilha do Rio do Boi com o guia Filipe da agência Grota, de Praia Grande (telefone: 48 48 8403-1009). Ao contratar a trilha, o visitante recebe caneleiras (proteções para as pernas que vão do tênis até próximo ao joelho), que servem para proteger de arranhões e de uma eventual mordida de cobra.

Interior do cânion Itaimbezinho
Uma das muitas travessias do rio

Nas travessias, dependendo do volume de água do rio, a altura da água pode passar do joelho. Em dias de cheia ou de previsão de bastante volume de chuva a trilha pode ser cancelada, pois pode ser tornar perigoso, já que por estar dentro de um cânion a água pode subir rapidamente e a correnteza ficar forte.

Percurso

Início da Trilha do Rio do Boi
Guia Filipe dando as primeiras informações sobre a trilha no posts de fiscalização do parque

A trilha tem início no posto de fiscalização do Parque Nacional dos Aparados da Serra (localizado a 12 Km do centro) e segue até um ponto de alargamento do Rio do Boi, não vai até o final do cânion, mas até o ponto onde se tem uma vista do cotovelo do Itaimbezinho, parte mais alta do cânion, que chega a mais de 700 metros de altura.

Trilha do Rio do Boi
Parte da Trilha do Rio do Boi em meio a mata

Cerca de metade da trilha é percorrida dentro da mata, a maior parte plana, mas com um trecho de subida. Depois o cânion vai afunilando e o percurso passa a acompanhar o leito do rio, entre grandes pedras, alternado entre uma margem e outra, onde começam as travessias.

Pedras na trilha do Rio do Boi
As muitas pedras da trilha do Rio do Boi

Atrações e paradas

Além das paredes verticais do cânion, a trilha passa por algumas cachoeiras e dois poços onde é possível tomar banho de rio e nadar. As cachoeiras mais imponentes são: Cachoeira Leite de Moça e cachoeira Braço Forte.

Trilha do Rio do Boi e cachoeira Leite de Moça
Parada na cachoeira Leite de Moça

No caminho também é possível encontrar animais, como macacos aranhas e cobras. No dia em que fomos, o guia Filipe encontrou e pegou uma caranguejeira e disse que é frequente encontra-las próximo à trilha.

Guia trilha do Rio do Boi
Guia Filipe com uma aranha Caranguejeira

Durante o percurso fizemos 4 paradas para descanso e lanche, uma em cada cachoeira, uma no final da trilha e outra em um dos poços para banho, além de pequenas pausas onde o guia conta histórias e dá algumas explicações sobre o cânion.

As duas principais cachoeiras são: Cachoeira Leite de Moça (primeira do percurso) que despenca diretamente na lateral do rio; e a segunda é a cachoeira Braço Forte, que vem de outro riacho e despenca do penhasco formando um poço lateral ao rio.

trilha do Rio do Boi e cachoeira Braço Forte
Cachoeira Braço Forte ao fundo

Dificuldade e tempo de caminhada

A trilha do Rio do Boi é considerada de alto grau de dificuldade pelo fato da caminhada ser feita entre as pedras e pelas várias travessias do rio que também tem seu leiro repletos de pedras de tamanhos variados, exigindo assim uma boa condição física do visitante.

O tempo de caminhada varia dependendo do ritmo de cada grupo, mas dura em média 7 horas (incluindo as paradas).

Trilha do Rio do Boi - Parque Nacional dos Aparados da Serra

O que levar na trilha

Recomenda-se levar somente o necessário, ir com roupas confortáveis para caminhada e calçado confortável, como tênis ou bota de caminhada com meia, além de roupa para banho no rio, o ideal é já ir com ela por baixo.
Levar uma mochila nas costas com toalha, filtro solar, repelente, máquina fotográfica, capa de chuva e lanche para o dia.
Levar apenas uma garrafinha de água, já que a água do rio é potável.
Levar também um documento de identificação.

Como chegar à Trilha do Rio do Boi


As agências oferecem opções, tanto de você seguir com seu carro até o ponto inicial da trilha (entrada do parque) ou incluem o transporte e vão lhe buscar na pousada que estiver, entre em contato e avalie a melhor opção, acho que é melhor pagar um pouco mais e incluir o transporte, já que a estrada é pedregosa.

Onde ficar em Praia Grande

Praia Grande é a cidade base para fazer esta e outras trilhas pela parte de baixo dos cânions, há várias pousadas bacanas tanto na cidade como nas redondezas, nós ficamos na pousada Caminhos dos Canyons, onde tivemos um ótimo atendimento, a pousada conta com 4 chalés muito aconchegantes e é de propriedade do guia Filipe.
Site da pousada Caminho dos Canyons
Caminho dos Canyons no Booking.com

Vídeo da trilha do Rio do Boi

Serviço
Agência Grota – Guia Filipe: Telefone: 48 8403-1009
Horário de funcionamento da trilha: Das 08:00h. às 17:00h. (terça a domingo).
Trilha: 14 km (ida e volta), 7 horas em média.

Mais sobre Cambará do Sul e região
Trilhas do Cânion Fortaleza
São José dos Ausentes – O topo do Rio Grande do Sul
Serra do Pinto e Rota do Sol
Torres – a mais bela praia gaúcha

Reserve aqui no Viagens e Caminhos! Temos as melhores opções para organizar sua viagem! Nossos parceiros são os melhores do mercado!

HOSPEDAGEM - Somos parceiros do Booking.com, maior site de reservas de hospedagem do mundo e o que tem os melhores preços! São milhares de hotéis, pousadas, resort e hostel em todo o mundo! Reserve antecipado e cancele quando quiser. Escolha e faça sua reserva!
SEGURO VIAGEM - Vai para o exterior! Faça Seguro Viagem! É obrigatório na Europa e muito recomendado para qualquer viagem ao exterior. Uma simples internação nos Estados Unidos tem um custo diário de 2.000 Dólares e um seguro viagem é bem barato! Faça uma cotação!
ALUGUEL DE CARRO – Somos parceiros da RentalCars, maior comparador de aluguéis de carro do mundo, e que garante também o melhor preço! Reserve em nosso site e pague em Reais, sem IOF, e com total segurança. Faça sua cotação online!

13 COMENTÁRIOS

  1. oi Jair… Faz tempo que eu não faço nenhuma trilha, mas é um negócio que eu gosto. Sempre volto pronta para enfrentar o mundo depois de um contato estreito com a natureza.

    A trilha do Rio do Boi me pareceu extremamente atraente por duas razões específicas: a cor das águas e os paredões. É uma sensação intensa caminhar por uma paisagem assim. Mesmo com o grau de dificuldade alto deve valer cada passo, cada gota de suor… se um dia estiver pela região sul, quem sabe não faça esta trilha?! 🙂

  2. Essa trilha está na minha lista de desejos. Quando estivemos por lá choveu demais e o nível do rio ficou alto demais no dia programado. Uma pena. Mas adoro a região dos canyons, foi uma viagem inesquecível. Adorei o post.

    • Uma pena que não pode fazer a trilha, Fábio!
      Realmente, há um monitoramento da previsão do tempo, havendo previsão de chuva forte, ou se houve no dia anterior, a trilha não acontece, já que o rio corre entre paredões e pode subir rapidamente.

  3. Olá! Estou aqui procurando informações sobre a região e tenho uma dúvida: onde é melhor se hospedar? Cambará ou Praia Grande? E Bom Jardim da Serra também pode ser boa opção?

    • Olá! Pollyanna!
      Vai depender do roteiro que vai fazer e das trilhas e atrações que vai visitar. Qualquer um dos 3 lugares que citou oferece boas opções de pousadas. Fique em Cambará se vai fazer mais trilhas na parte de cima dos cânions ou Praia Grande se vai fazer as trilhas na parte de baixo.

    • Oi, Eliana! Talvez o Filipe esteja no cânion sem sinal. Guia Filipe: Telefone: 48 8403-1009 – Tenta no telefone de sua pousada – Pousada Caminho dos Canyons – 048 98505 0651

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here